Autor Tópico: Monitor de volume na C-CEX  (Lida 10835 vezes)

Samika

  • Jr. Member
  • **
  • Mensagens: 76
  • Karma: +1/-0
Re: Monitor de volume na C-CEX
« Responder #30 em: Março 26, 2016, 10:43:26 am »
Eu penso que como há um vazio na lei sobre este assunto, os custos serão praticamente a construção da exchange em si e depois pequenos custos de manutenção.
O CryptoEscudo tem um saco/ percentagem que deve ser usado para certas eventualidades, e esta para mim (a exchange) é uma eventualidade muito importante, talvez a que devia preocupar-nos em 70 a 80 % do projeto. Porque sem uma exchange funcional, aberta principalmente para os portugueses, com baixas e/ou nulas comissões e de fácil acesso (cartao de credito, mbnet, etc), ... todo este projeto será impossível... apesar da boa vontade de todos..

As pessoas só vão utilizar o CESC se houver uma carteira para telemóvel (já existe, foi um grande passo) e uma exchange que permite fazer trocas instantaneas ou quase instataneas e custos de comissão reduzidos..

Eu até dou uma ideia para o futuro da exchange (quem comprar CESC deveria estar isento a comissões, para incentivar as pessoas a adquirir CESC e depois nunca mais largar/vender)

Spofas

  • Jr. Member
  • **
  • Mensagens: 58
  • Karma: +1/-1
Re: Monitor de volume na C-CEX
« Responder #31 em: Março 26, 2016, 11:48:04 am »
Essa resposta é fácil!
A exchange é a onde? Na Internet, então abre actividade como uma empresa ligada a área informática.
Eventuais despesas e impostos... paga o mesmo que qualquer empresa paga. Que será uma % da facturação.

Acho que o mais complicado aqui não é tanto o registo legal da exchange, mas sim montar tecnicamente a mesma.

É online, mas continua a ser um negócio na área de finança.
A parte legal é mesmo a mais difícil, porque em termos técnicos, é relativamente simples dado que podes logo comprar uma exchange (completa ou só o trading engine) "white label" e adaptar às tuas necessidades.

Spofas

  • Jr. Member
  • **
  • Mensagens: 58
  • Karma: +1/-1
Re: Monitor de volume na C-CEX
« Responder #32 em: Março 26, 2016, 11:55:04 am »
O CryptoEscudo tem um saco/ percentagem que deve ser usado para certas eventualidade

Não sei qual é a % de premine dedicado a essas situações, mas seja ele qual for, o mkt cap do CESC é neste momento de $30k. Mesmo que essa percentagem seja de 25% ou qualquer coisa do género, dificilmente terás capital suficiente para investir numa exchange. Só as despesas legais seriam gigantescas, até porque como já se disse nesta thread, pouca legislação há sobre o assunto... implica mais tempo de pesquisa aos advogados, provavelmente algum lobbying até.

ds650_19

  • Administrator
  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 524
  • Karma: +33/-0
Re: Monitor de volume na C-CEX
« Responder #33 em: Março 26, 2016, 03:28:21 pm »
Essa resposta é fácil!
A exchange é a onde? Na Internet, então abre actividade como uma empresa ligada a área informática.
Eventuais despesas e impostos... paga o mesmo que qualquer empresa paga. Que será uma % da facturação.

Acho que o mais complicado aqui não é tanto o registo legal da exchange, mas sim montar tecnicamente a mesma.

É online, mas continua a ser um negócio na área de finança.
A parte legal é mesmo a mais difícil, porque em termos técnicos, é relativamente simples dado que podes logo comprar uma exchange (completa ou só o trading engine) "white label" e adaptar às tuas necessidades.

Ai está onde queria chegar.... como as finanças não sabem o que nos atribuir como actividade, nem podemos ser área financeira nem da area serviços.
Quanto ao abrir uma exchange pode ser que exista um empreendedor que o queira fazer não só pelo cryptoescudo mesmo pelo BTC, e achando um nicho de mercado que é comprar facil btc seja em dinheiro numa payshop ou seja pelo site e carregar a nossa carteira exchange pelo Multibanco. Mas para isso é preciso saber em que situação se fica enquanto ao vazio legal que existe.
Mas acima de tudo precisamos de alguém que não ache que o que é de fora é que é bom, e com as ideias americanizadas dos milhões ou da árvore das patacas que se abana e estamos milionários, é preciso ir lutando para nos afirmar e não sair da nossa ideologia e transparência, e o caminha faz-se degrau a degrau....

joker_josue

  • Administrator
  • Sr. Member
  • *****
  • Mensagens: 314
  • Karma: +24/-0
Re: Monitor de volume na C-CEX
« Responder #34 em: Março 26, 2016, 06:17:27 pm »
É online, mas continua a ser um negócio na área de finança.

Área financeira como!?
Como é que o CESC ou outra crypto moeda é considerado um produto financeiro, se não esta ligada a nenhum regulador/bolsa/banco e afins? Que eu saiba não é...
Se não é um produto financeiro, porque raio tem de se registar o negocio como produto financeiro?

Temos de ser realistas, para os que esta no meio deste "universo", classificam isto como produto financeiro, mas no mercado "real" isto não é nenhum produto financeiro. Quando for, sim deve ser visto como tal, mas actualmente não o é.

Até porque, se for registar uma exchange de CESC, na área financeira, passa-se a estar sobre as obrigações de um regulador, regulador esse que não reconhece o CESC como um produto financeiro.

Portanto, de uma forma muito simples: o CESC não é nenhum produto financeiro!!! (Pode vir a ser, mas agora não é.)

O CESC é simplesmente um produto, que serve como moeda de troca quando alguém o aceita, nada mais.

Era o mesmo, que alguém agora disse-se que vendia uma TV a quem lhe desse 20 milhões de canetas. Então os comerciantes de canetas, começavam a vender as canetas a preços altíssimos. Abrir uma loja de vender canetas, era um negocio financeiro? Não. Ia continuar a ser uma negocio de venda de canetas.

No CESC é a mesma coisa... lá por alguém aceitar vender algo em troca de CESC, não faz com que o CESC se torne um produto financeiro.
Sim, eu sei que para nós o CESC é um produto financeiro, mas segundo a lei actual (e é sobre esta lei que temos de agir) o CESC é simplesmente um produto igual a outro qualquer, que pode ser comprado/vendido.


A parte legal é mesmo a mais difícil, porque em termos técnicos, é relativamente simples dado que podes logo comprar uma exchange (completa ou só o trading engine) "white label" e adaptar às tuas necessidades.

Se é assim tão simples... sinceramente, não vejo nenhum impedimento legal para que seja feito.
« Última modificação: Março 26, 2016, 06:21:20 pm por joker_josue »
Meu CESC pessoal: CKUQmuyoF6YVHw82McntgbQpXTrQMsbZEH

Spofas

  • Jr. Member
  • **
  • Mensagens: 58
  • Karma: +1/-1
Re: Monitor de volume na C-CEX
« Responder #35 em: Março 26, 2016, 07:25:36 pm »
Não precisa de ser um produto financeiro.
A partir do momento em que recebes depósitos de fiat e atuas como banco, precisas de estar regulado como tal para que sejas levado a sério.

Mas se achas que nada disto é grande impedimento, tens aqui um link para uma white label exchange https://www.alphapoint.com/. Podes começar ;D
« Última modificação: Março 26, 2016, 07:28:11 pm por Spofas »

joker_josue

  • Administrator
  • Sr. Member
  • *****
  • Mensagens: 314
  • Karma: +24/-0
Re: Monitor de volume na C-CEX
« Responder #36 em: Março 27, 2016, 12:36:17 pm »
Não precisa de ser um produto financeiro.
A partir do momento em que recebes depósitos de fiat e atuas como banco, precisas de estar regulado como tal para que sejas levado a sério.

Mas se achas que nada disto é grande impedimento, tens aqui um link para uma white label exchange https://www.alphapoint.com/. Podes começar ;D

Muitas lojas online, aceitam que a pessoa faça depósitos previamente, antes de fazerem compras. Isso não faz da loja um banco ou algo relacionado.

De momento o CESC é simplesmente um produto que se pode comprar, onde eventualmente algumas lojas aceita trocar serviços/produtos por esse outro produto aka CESC.

Eu até poderia começar, mas não tenho os conhecimentos técnicos e meios financeiros, para estabelecer-me nesse negocio. Mas até estou disponível em ajudar num projecto desses.
Meu CESC pessoal: CKUQmuyoF6YVHw82McntgbQpXTrQMsbZEH

ds650_19

  • Administrator
  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 524
  • Karma: +33/-0
Re: Monitor de volume na C-CEX
« Responder #37 em: Março 27, 2016, 01:08:39 pm »
Não precisa de ser um produto financeiro.
A partir do momento em que recebes depósitos de fiat e atuas como banco, precisas de estar regulado como tal para que sejas levado a sério.

Mas se achas que nada disto é grande impedimento, tens aqui um link para uma white label exchange https://www.alphapoint.com/. Podes começar ;D

Muitas lojas online, aceitam que a pessoa faça depósitos previamente, antes de fazerem compras. Isso não faz da loja um banco ou algo relacionado.

De momento o CESC é simplesmente um produto que se pode comprar, onde eventualmente algumas lojas aceita trocar serviços/produtos por esse outro produto aka CESC.

Eu até poderia começar, mas não tenho os conhecimentos técnicos e meios financeiros, para estabelecer-me nesse negocio. Mas até estou disponível em ajudar num projecto desses.

Depois de ir ver o link da solução, é interessante porque podemos estar a revender as coins das outras exchange e ficar com a margem de ganho e com isso termos um exchange com ordens de venda ao iniciar seja de ltc ou btc... e ai poderiamos integrar o cryptoescudo e os nossos métodos de pagamento,mas como para fazermos o request da demo da exchange e não existe preços creio que aquilo para nos disponibilizarem a solução chave na mão deve custar uma pequena fortuna....não fosse a empresa Americana em que o contador deles anda logo nas casas dos "ões" enquanto nos ainda nem pensamos em "ares" pensamos.....

Spofas

  • Jr. Member
  • **
  • Mensagens: 58
  • Karma: +1/-1
Re: Monitor de volume na C-CEX
« Responder #38 em: Março 27, 2016, 08:47:01 pm »
Não precisa de ser um produto financeiro.
A partir do momento em que recebes depósitos de fiat e atuas como banco, precisas de estar regulado como tal para que sejas levado a sério.

Mas se achas que nada disto é grande impedimento, tens aqui um link para uma white label exchange https://www.alphapoint.com/. Podes começar ;D

Muitas lojas online, aceitam que a pessoa faça depósitos previamente, antes de fazerem compras. Isso não faz da loja um banco ou algo relacionado.

De momento o CESC é simplesmente um produto que se pode comprar, onde eventualmente algumas lojas aceita trocar serviços/produtos por esse outro produto aka CESC.

Eu até poderia começar, mas não tenho os conhecimentos técnicos e meios financeiros, para estabelecer-me nesse negocio. Mas até estou disponível em ajudar num projecto desses.

Depois de ir ver o link da solução, é interessante porque podemos estar a revender as coins das outras exchange e ficar com a margem de ganho e com isso termos um exchange com ordens de venda ao iniciar seja de ltc ou btc... e ai poderiamos integrar o cryptoescudo e os nossos métodos de pagamento,mas como para fazermos o request da demo da exchange e não existe preços creio que aquilo para nos disponibilizarem a solução chave na mão deve custar uma pequena fortuna....não fosse a empresa Americana em que o contador deles anda logo nas casas dos "ões" enquanto nos ainda nem pensamos em "ares" pensamos.....

Ya, daí ter dito que isto não era coisa para começar com meia dúzia de trocos. De certeza que há outra opções por aí financeiramente mais viáveis, mas quando a ideia é lidar com fiat, convém ser algo seguro e há testado. O trading engine da Alphapoint foi o que Bitfinex usou quando fizeram revamp da exchange agora há pouco tempo.
Mas isso são tudo pipe dreams. Acho que o objectivo para já, deveria ser entrar para uma exchange maior tipo Bittrex ou Polo que atraísse mais volume (se o objectivo for aumentar o market cap).

ds650_19

  • Administrator
  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 524
  • Karma: +33/-0
Re: Monitor de volume na C-CEX
« Responder #39 em: Março 27, 2016, 09:16:34 pm »
Não precisa de ser um produto financeiro.
A partir do momento em que recebes depósitos de fiat e atuas como banco, precisas de estar regulado como tal para que sejas levado a sério.

Mas se achas que nada disto é grande impedimento, tens aqui um link para uma white label exchange https://www.alphapoint.com/. Podes começar ;D

Muitas lojas online, aceitam que a pessoa faça depósitos previamente, antes de fazerem compras. Isso não faz da loja um banco ou algo relacionado.

De momento o CESC é simplesmente um produto que se pode comprar, onde eventualmente algumas lojas aceita trocar serviços/produtos por esse outro produto aka CESC.

Eu até poderia começar, mas não tenho os conhecimentos técnicos e meios financeiros, para estabelecer-me nesse negocio. Mas até estou disponível em ajudar num projecto desses.

Depois de ir ver o link da solução, é interessante porque podemos estar a revender as coins das outras exchange e ficar com a margem de ganho e com isso termos um exchange com ordens de venda ao iniciar seja de ltc ou btc... e ai poderiamos integrar o cryptoescudo e os nossos métodos de pagamento,mas como para fazermos o request da demo da exchange e não existe preços creio que aquilo para nos disponibilizarem a solução chave na mão deve custar uma pequena fortuna....não fosse a empresa Americana em que o contador deles anda logo nas casas dos "ões" enquanto nos ainda nem pensamos em "ares" pensamos.....

Ya, daí ter dito que isto não era coisa para começar com meia dúzia de trocos. De certeza que há outra opções por aí financeiramente mais viáveis, mas quando a ideia é lidar com fiat, convém ser algo seguro e há testado. O trading engine da Alphapoint foi o que Bitfinex usou quando fizeram revamp da exchange agora há pouco tempo.
Mas isso são tudo pipe dreams. Acho que o objectivo para já, deveria ser entrar para uma exchange maior tipo Bittrex ou Polo que atraísse mais volume (se o objectivo for aumentar o market cap).

Apenas será necessário uma forma fácil e descomplicada de comprar sem recorrer ao BTC.Mas acima de tudo quem aceite em receber em cesc e que os consiga segurar nas suas carteiras durante um ou 2 anos para que não caia no mercado ao preço que estiver...
As pessoas desconhecem as potencialidades de receber das coisas que já não usam ou querem, total ou parcialmente em cesc. Posso dar o meu exemplo, que recebi 1milhão de cesc por 50 euros de um miner que vendi em 09/2014 e neste momento segundo o cryptonator valem 157 euros....
por isso quando cortarmos no reward para se tratar da multipool que descarrega porque para eles somos apenas mais uma coin e quando as pessoas resolverem comprar 10 ou 15 euros em cesc ou simplesmente aceitar  pequenas coisas que não precisam em cesc e fomentarem a compra do cesc ao fim de algum tempo duplicaram ou triplicaram o valor que receberam....
E o ideal mesmo seria termos uma forma fosse online ou do género quiosque/agentes em que se poderia comprar e trocar cesc por euros e esquecer o BTC como referencia e apenas olhar ao euro como referencia.

joker_josue

  • Administrator
  • Sr. Member
  • *****
  • Mensagens: 314
  • Karma: +24/-0
Re: Monitor de volume na C-CEX
« Responder #40 em: Março 27, 2016, 10:52:09 pm »
E o ideal mesmo seria termos uma forma fosse online ou do género quiosque/agentes em que se poderia comprar e trocar cesc por euros e esquecer o BTC como referencia e apenas olhar ao euro como referencia.

Concordo plenamente!!!

Usar exchanges existentes, vai trazer para o CESC a "porcaria" que já existe nas outras coins... malta que compra hoje para vender amanha por 3x mais.
E não é isso que o CESC precisa, principalmente neste momento.

Ter uma exchange ou um serviço qualquer diferente, que sirva para comprar/vender CESC directamente em Euros e com formas de pagamento portuguesas, seria muito bom. O serviço podia também suportar outras coins, de forma a sustentar o projecto e divulgar o CESC. Mas um serviço assim, já iria permitir fazer com que o projecto ficasse mais solido.
« Última modificação: Março 27, 2016, 10:54:16 pm por joker_josue »
Meu CESC pessoal: CKUQmuyoF6YVHw82McntgbQpXTrQMsbZEH

ds650_19

  • Administrator
  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 524
  • Karma: +33/-0
Re: Monitor de volume na C-CEX
« Responder #41 em: Março 27, 2016, 11:40:33 pm »
E o ideal mesmo seria termos uma forma fosse online ou do género quiosque/agentes em que se poderia comprar e trocar cesc por euros e esquecer o BTC como referencia e apenas olhar ao euro como referencia.

Concordo plenamente!!!

Usar exchanges existentes, vai trazer para o CESC a "porcaria" que já existe nas outras coins... malta que compra hoje para vender amanha por 3x mais.
E não é isso que o CESC precisa, principalmente neste momento.

Ter uma exchange ou um serviço qualquer diferente, que sirva para comprar/vender CESC directamente em Euros e com formas de pagamento portuguesas, seria muito bom. O serviço podia também suportar outras coins, de forma a sustentar o projecto e divulgar o CESC. Mas um serviço assim, já iria permitir fazer com que o projecto ficasse mais solido.

A meu ver é mesmo o próprio português que lhe custa a aceitar usar algo que saia da sua zona de conforto alem de haver o pessoal que vê referencia no BTC e diz "ah e tal aquilo que serve para pagar anonimamente armas drogas e resgates dos PCs infectados com ransomwares?"...
Até nas próprias compras feitas online, mesmo com a segurança de cashback e seguros a maior parte ainda desconfia que pode ser enganado. E vejo essa reacção tanto na geração dos 20/30 e ainda mais nas mais avançadas,e mesmo depois de debatermos o assunto e vermos prós e contras as pessoas acabam por dizer que preferem ir a um worten ou fnac fisicamente em que pagam em média mais uns 10%,  agora imaginem não compras online mas aceitar cryptomoedas em que o valor supostamente não é assegurado por nada e com todas as sobras e fantasmas que o BTC trás ....

Spofas

  • Jr. Member
  • **
  • Mensagens: 58
  • Karma: +1/-1
Re: Monitor de volume na C-CEX
« Responder #42 em: Março 28, 2016, 03:02:48 am »
Usar exchanges existentes, vai trazer para o CESC a "porcaria" que já existe nas outras coins... malta que compra hoje para vender amanha por 3x mais.

Portanto queres que as pessoas comprem, mas não as deixas vender. Isso parece-me a definição de um ponzi, lol.

ds650_19

  • Administrator
  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 524
  • Karma: +33/-0
Re: Monitor de volume na C-CEX
« Responder #43 em: Março 28, 2016, 08:40:14 am »
Usar exchanges existentes, vai trazer para o CESC a "porcaria" que já existe nas outras coins... malta que compra hoje para vender amanha por 3x mais.

Portanto queres que as pessoas comprem, mas não as deixas vender. Isso parece-me a definição de um ponzi, lol.

Ponzi é bem diferente de aguardar que o mercado ajuste e ganhe valor, em vez de andarmos aqui a comprar a vender e a ganhar meia dúzia de amendoins...
 Mas é por causa dessas coisas que o Cesc está com o valor que está, nós ao sugerirmos como que segurem até ajustarmos e termos um valor mais elevado, e para ajudar na distribuição, porque quanto mais distribuído melhor, nos atiram e acusam de ponzi....

Vai para a rua e vende a 100 mil famílias que precisem mesmo,uns 10 euros de cesc que dá pouco mais de 60mil cesc e deixa que valorizem até 10 cêntimos, depois vê o resultados que isso traria na economia e o que traria para as pessoas que menos podem....

Mas se quisermos nos tornar a nova Grécia e irmos rumo ao terceiro e quarto resgate podemos continuar a  pensar em ganhar apenas amendoins....

joker_josue

  • Administrator
  • Sr. Member
  • *****
  • Mensagens: 314
  • Karma: +24/-0
Re: Monitor de volume na C-CEX
« Responder #44 em: Março 28, 2016, 08:51:14 am »
@ds650_19
É verdade... isso é uma realidade. Se ainda é complicado "convencer" as pessoas a fazer compras online, com as formas actuais que existem. Mas difícil é fazerem o mesmo com algo que a partida aparenta ter menos garantias.

@Spofas
Acho que não percebes-te bem o que quis dizer... e que talvez não entendes bem qual é o pressuposto do CESC.

E não é uma questão de não as deixar vender, cada um faz o que quer com aquilo que é seu.
A questão é: Comprar CESC com BTC, para depois amanha voltar a vender o CESC para BTC, que valor trás para a moeda?
Eu não vejo vantagem nenhuma, para o CESC.


Outra nota, quando falo em "porcaria", falo de um grande numero de utilizadores de BTC (principalmente) que o seu objectivo com a coin, não é transacções comerciais, mas sim o forex. E é por isso, que cada vez mais as crypto moedas, estão associadas a coisas ilegais, porque as maiores transacções comerciais que existem em BTC são para coisas ilegais. Essas pessoas, desvirtuaram o verdadeiro objectivo da criação das crypto moedas.

E julgo que não é esse o objectivo que se pretende com o CESC.
Meu CESC pessoal: CKUQmuyoF6YVHw82McntgbQpXTrQMsbZEH